Homem que matou a mãe e filha a tiros é condenado a 32 anos de prisão

O Tribunal do Júri de Campo Belo do Sul condenou, na tarde desta Sexta (08), Arizon Pereira, de 34 anos, acusado de matar a tiros, Marlene Catarina, de 52 anos e sua mãe Serasélia, de 74 anos,

O crime ocorreu no dia 13 de fevereiro de 2013, na residência da família no interior do município, Arizon, que já cumpre pena em regime fechado no presidio de Lages, foi condenado a 32 anos e 4 meses de reclusão.

Fotos: Rodrigo Antunes


Destaques
Informações Recentes
Procure por Tags
Nenhum tag.
Siga
  • icon_instagram
  • icon_facebook
  • logotipo-do-twitter_318-40209

2009 © 2020  - Rádio Explosão contrução Rodrigo Antunes